A escuta, encontrada dentro de uma caixa abaixo de uma das mesas da sala, passa por análise de técnicos do tribunal. Um procedimento interno foi aberto para investigar o caso. Não há ainda informações sobre possíveis interceptações de conversas do ministro e de sua equipe.

O ministro Barroso ocupa o gabinete 429, no quarto andar de um prédio dos anexos do STF, em Brasília, desde 2013, quando assumiu o cargo de ministro no Supremo. Antes, a sala era ocupada por Joaquim Barbosa.

 

Fonte: Migalhas

Recent Posts